Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

RUMOS NOVOS - Católicas e Católicos LGBT (Portugal)

Ainda que sejamos provenientes de variadíssimos ambientes sociais, geográficos e culturais, partilhamos um elo comum: amamos a Deus e seguimos o Seu Filho Jesus Cristo. Devido a este elo único somos "um só em Cristo".

PRIMEIRO ENCONTRO DO CAPÍTULO DO PORTO

Oracao

É com enorme alegria que partilhamos convosco que é já no próximo dia 29 de junho de 2013, entre as 18 e as 20h30, na associação "A Cadeira de Van Gogh" (Rua do Morgado Mateus, n.º 41), no Porto, que irá decorrer o primeiro encontro do Capítulo do Porto do Rumos Novos.


Vimos, por este meio, convidar-te a participares neste 1.º Encontro dos Rumos Novos – Homossexuais Católicos do Norte, no qual pretendemos fazer uma breve apresentação da natureza e fins da associação, bem como suscitar planos e sugestões “pastorais” para esta zona do Porto, facto que possibilitará a criação de um “Capítulo”.


Seguido a este momento, teremos um espaço de confraternização, pelo que deverás trazer algo para partilhar. Comparece e traz um amigo!

Abraço fraterno em Cristo Jesus!

Quando o Brasil aprova "a cura para os homossexuais"... Exodus International fecha as portas!

Exodus International

Antes de mais, aproveitamos para lembrar que a Exodus era, infelizmente, apontada por muitos irmãos da hierarquia católica como a demosntração de que os homossexuais se podem curar. Sem mais comentários, eis o texto datado de 19 de junho de 2013:

 

Exodus International, o mais antigo e maior ministério cristão que trata da fé e da homossexualidade anunciou que irá fechar as portas depois de mais de três décadas de ministério. A direção chegou a esta decisão depois de um ano de diálogo e oração sobre o lugar da organização numa cultura em mudança.

 

"Não negamos os caminhos através dos quais Deus utilizou a Exodus para, de forma positiva, afetar milhares de pessoas. Porém, uma nova geração de cristãos está à procura de uma mudança (e querem ser ouvidos)", Tony Moore, membro da direção da Exodus. A mensagem surgiu menos de uma dia após a Exodus ter publicado uma declaração a pedir desculpa aos homossexuais por anos de julgamento imerecido por parte da organização e da igreja cristã, no seu conjunto.


"A Exodus é uma instituição no mundo cristão conservador, mas deixámos de ser um organismo vivo e que respira", afirmou Alam Chambers, Presidente da Exodus. "Durante muito tempo ficámos prisioneiros numa visão do mundo para com os nossos irmãos que não é nem honrosa nem bíblica." E continuou: "A partir da perspetiva judaico-cristã homossexuais, heterossexuais ou quaisquer outros, somos todos filhos e filhas pródigos. Exodus International é o irmão pródigo mais velho, tentanto impor a sua vontade às promessas de Deus e a fazer julgamentos sobre quem é digno do Seu Reino. Deus chama-nos a sermos o Pai, a acolhermos todos e a amarmos sem restrições."



Tradução: José Leote

Artigo Original: aqui.

FMI lança vídeo contra a homofobia

FMI

O Fundo Monetário Internacional, com a participação da presidente Christine Lagarde (ex-ministra da economia do conservador François Fillon, em França), lançou um vídeo do tipo "As Coisas Melhoram" (It Gets Better), como forma de luta contra a homofobia.

 

No vídeo, Christine Lagarde conta-nos (em inglês, mas que já estamos a traduzir e legendar), que tem um primo de 60 anos que é homossexual.

 

O seu primo passou a vida a esconder-se, tentando dissimular. É originário de uma família católica muito conservadora com uma mãe dominante.

 

Lagarde conta que o primo nunca confessou a sua homossexualidade à mãe até aos seus últimos momentos. Quando lho contou, ela já com 50 anos, a mãe respondeu-lhe que sempre o havia sabido e que sempre o havia amado.

 

No vídeo, Lagarde afirma que "sei de que forma uma pessoa se pode sentir nessas circunstâncias e estou muito orgulhosa de esta na cúpula de uma organização onde as pessoas podem assumir o que são. Temos de estar orgulhosos das nossas diferenças.

 

O vídeo pode ser visto (na versão original) aqui e brevemente estará disponível no nosso canal vídeo no YouTube.

10 Conselhos Básicos para o Homem Homossexual *

Em si mesmo ser homossexual é difícil, contudo...

 

 

Que fazer para amadurecer e crescer como pessoas?

 

Num mundo onde a discriminação não é somente social, mas proveniente de nós memos, são muitos os homossexuais que consideram que quando forem mais velhos serão inúteis e indesejáveis, pelo que preferem destruir-se enquanto jovens com a ideia de "aproveitar a vida ao máximo" por isso criaram um estilo de vida destrutivo: críticas constantes e divisões entre membros da próprias comunidade homossexual, promiscuidade sexual, ter muitos parceiros para preencher uma autoestima oca... são somente algumas das atitudes imaturas que muitos homossexuais vivem e que, em última instância, os conduzem à destruição: SIDA, solidão, frustração, não viver a vida com medo do que dirá a sociedade, são algumas das consequências.

 

 

Alguns conselhos para viver de forma feliz...

 

Quanto mais persegues o amor mais ele foge de ti, virá até ti quando menos o esperares... O amor pode fazer-te feliz, mas muitas vezes causa dor; o amor somente é especial quando o entregas a alguém que realmente o merece. Leva o tempo necessário e elege o melhor.

 

Se te apaixonas por alguém que não te corresponde, pensa que acontece por algum motivo. Talvez não sejam compatíveis ou não tenham um projeto de vida semelhante.

 

Não te deixes levar por estereotipos de beleza, o que é realmente importante é o coração. Em última análise, a beleza física vai-se acabando à medida que os anos passam...

 

As sociedades ocidentais idealizam a juventude e, mais tarde ou mais cedo, a moda para adultos acaba imitando aquela da juventude e infelizmente a cultura/ ambiente homossexual não ajuda os seus membros a amadurecer. A maioria dos homossexuais são adultos comportando-se como adolescentes radicais, sexualmente promíscuos, irresponsáveis e imaturos, sob o falso pretexto de que "nós os homossexuais somos assim"...

 

Aceita a tua homossexualidade informando-te, querendo-te a ti mesmo e lutando pelos teus ideais...

 

Desfruta a tua vida sexual com as precauções necessárias, mas não te relaciones sexualmente com qualquer um que te apareça, pois no fim ninguém te quererá, nem te levará a sério por teres sido de todos... Quem gosta de sair com alguém que já saiu e passou por todos?

 

Lembra-te que a juventude NÃO é para sempre e os antros, sexo, bebida e festa não são tudo o que há na vida. Deves cimentar o teu projeto de vida, escolhendo aquilo que te faz crescer.

 

Tem em consideração que a maioria das pessoas homossexuais, com o passar dos anos, começam a ficar sozinhas, porque nunca pensaram nas consequências da sua conduta.

 

Não te esqueças que ser livre não é sinónimo de ausência de compromisso, mas sim a capacidade de escolher e comprometer-se com aquilo que é melhor para ti.

 

Também não te deves transformar numa pessoa amarga: estabelece prioridades, mas está sempre consciente das tuas condutas.

A maioria dos homossexuais para esquecer o fantasma da velhice, vão a bares/ discos em busca de homens, incluindo mais novos que eles, estabelecendo relações efémeras, superficiais, gastando dinheiro nelas e em coisas desnecessárias, comprando mesmo amizades... finalmente acabar por aperceber-se que ficaram sós. De facto, não há nada de mal em desfrutar das festas, equilibrando as coisas, porém mais tarde ou cedo a festa chegará ao fim como naquele conto infaltil "à meia noite a carroça se transformará em abóbora" e a oportunidade de um homem homossexual encontrar a pessoa com quem partilhar a vida volta a limitar-se à sua própria medida.

Pensa que com o passar dos anos a vida é mais fácil se estás com outra pessoa, envelhecer juntos, criar uma história, a dois as alegrias e as tristezas são melhores.

 

Muitos de nós dizem "poderei ficar sozinho", porém no íntimo sabemos que isso não é verdade, pois sozinho é um pensamento egocêntrico e sofremos com o passar dos anos.

 

Deixa para trás a eterna adolescência, supera o teu vício no sexo...

Admiraria o rapaz que um dia foste, o homem em que te transformaste?

 

As dificuldades e problemas estarão sempre presentes no plano económico, sentimental, sexual, físico, social, etc.

 

É tudo uma questão de colocar entusiasmo e otimismo um no outro. A ajuda mútua, a sinceridade, confiança e compreensão são ferramentas para que no momento em que um caia ou mesmo os dois, se possam levantar juntos.

 

Se desejam chegar juntos a velhos: Não deixem que pessoas próximo ou amigos se metam na vossa relação (ela é somente vossa).

 

Conservem as amizades que os fazem crescer como casal, descartem os "amigos" que lhes criam conflitos, um amigo que os ama, nunca lhes faria qualquer dano a nenhum de vocês, nem à vossa relação.

Afastem-se do "ambiente" o mais possível se desejam durar, pois nele somente encontrarão invejas, ciúmes e tentações sexuais ocasionadas por pessoas destrutivas que sem dúvida debilitam a relação e o teu crescimento pessoal.

 

 

SE TENS O CORAÇÃO DESTROÇADO:

 

Os corações destroçados duram tanto quanto o desejarmos e cortam cada vez mais profundamente à medida que os deixamos continuar. O desafio não é como sobreviver a um coração partido, mas a aprender com ele, com os próprios erros e com os do outro.

 

Sofre, mas nunca mantenhas a dor.

 

Uma coisa triste da vida é quando conheces alguém, apaixonas-te, chegas a amá-lo  e passam os anos somente para descobrires que, finalmente, nunca te amou como tu a ele, que não funcionou e tens a sensação de que perdeste anos da tua vida. Toma-os como aprendizagem.

 

Pode partir-te o coração ver que quem amas é feliz com outra pessoa, mas é mais doloroso saber que quem amas é infeliz contigo. Deixa-o ir...

Amadurecer exige contemplar de um modo realista o meio que nos rodeia, compreender e aceitar as coisas, para viver feliz.

 

* Kort, J. (2005). 10 Consejos Basicos Para El Hombre Gay/ 10 Basic Advices for the Gay Man (Spanish Edition). Barcelona: Egales Editorial. Disponível para compra aqui.

 

Tradução: José Leote