Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

RUMOS NOVOS - Católicas e Católicos Homossexuais Portugueses

Ainda que sejamos provenientes de variadíssimos ambientes sociais, geográficos e culturais, partilhamos um elo comum: amamos a Deus e seguimos o Seu Filho Jesus Cristo. Devido a este elo único somos "um só em Cristo".

CARTA ABERTA À ORDEM DOS MÉDICOS (22-02-2011)

 

 

Exmo. Sr. Dr. José Manuel Silva, digníssimo Bastonário da Ordem dos Médicos,

 

A Revista da Ordem dos Médicos, no seu número 115, correspondente ao mês de Janeiro de 2011, publica, entre as páginas 32 e 33, um artigo de opinião, da autoria do Dr. William Henry Clode, intitulado «A Genética dos Sentidos», cujo conteúdo se encontra em clara contradição com as mais recentes conclusões da ciência sobre as pessoas homossexuais e é uma infracção grave ao disposto no artigo 240º, § 2-b), do Código Penal Português, onde se estatui: «Quem… por escrito destinado a divulgação… difamar ou injuriar… grupo de pessoas por causa… da sua orientação sexual… é punido com pena de prisão de seis meses a cinco anos».

 

Ora, ainda que o artigo esteja colocado na secção denominada «Opinião», não pode nunca deixar de haver co-responsabilidade da área editorial da revista na sua divulgação, pois é seu dever ético e deontológico exercer o necessário controle sobre o que edita, cabendo deste modo ao editor particulares responsabilidades, pois permitiu que, através das suas páginas, fossem lançados insultos e injúrias (realça-se, mais uma vez, que as afirmações proferidas são destituídas de qualquer base científica e, mesmo que a tivessem, o vocabulário utilizado é claramente impróprio de uma revista representativa de uma classe profissional), que atentam contra os direitos civis e dignidade de um segmento da sociedade portuguesa. Quer o articulista, quer o corpo editorial da referida revista sabiam que tais comportamentos lhes estavam vedados pela lei.

 

Por outro lado, a divulgação de uma informação falsa, num órgão oficial da OM, não pode nunca deixar de associar a OM à informação falsa divulgada.

 

Assim sendo e considerando que:

  • a homossexualidade não é considerada doença (mental ou outra) pela OMS, desde 17 de Maio de 1990;
  • a Associação Americana de Psiquiatria (uma referência mundial), retirou em 1973, a homossexualidade do seu Manual Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais, o que ainda se mantém (DSM IV);
  • o Conselho de Representantes da Associação Americana de Psicologia, uma referência mundial na sua especialidade, deliberou em 14 de Agosto de 1997, que os psicólogos se devem abster de participar em práticas discriminatórias contra os homossexuais e, antes, condená-las;
  • estas conclusões técnicas se encontram suportadas por pareceres técnicos de mais de 151 mil pesquisadores, educadores, clínicos e consultores, espalhados por todo o mundo.

 

O Rumos Novos – Grupo Homossexual Católicos vem requerer, em nome das pessoas de orientação homossexual portuguesas, à Ordem dos Médicos, na pessoa de V. Exa.:

  1. Que sejam tomadas as necessárias medidas de cariz disciplinar contra aqueles que permitiram, por manifesta violação das normas éticas e deontológicas que devem presidir a qualquer órgão público de comunicação, a publicação de um artigo que, destituído de qualquer base científica, mais não faz do que propagandear o insulto e a injúria contra as pessoas de orientação homossexual;
  2. Que a Ordem dos Médicos, sob cuja tutela é publicada a referida revista, se demarque, publica e capazmente, de tão insidioso artigo e que não se escude atrás da pluralidade de opinião que a revista expressa, pois essa pluralidade nunca pode permitir o insulto e a chacota, que foi o feito e, ao contrário do que erradamente disse o assessor de imprensa da OM, Dr. Diamantino Cabanas, são um insulto para muitas pessoas;
  3. Que a Ordem dos Médicos informe a opinião pública, em geral, e as pessoas de orientação homossexual, em particular, sobre qual é a sua posição oficial sobre a homossexualidade.

 

Sem qualquer outro assunto de momento, apresentamos a V. Exa. os nossos melhores cumprimentos.

 

Atentamente,

 

Rumos Novos - Grupo Homossexual Católico

1 comentário

Comentar post

Mais sobre nós

imagem de perfil