Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

RUMOS NOVOS - Católicas e Católicos LGBT (Portugal)

Ainda que sejamos provenientes de variadíssimos ambientes sociais, geográficos e culturais, partilhamos um elo comum: amamos a Deus e seguimos o Seu Filho Jesus Cristo. Devido a este elo único somos "um só em Cristo".

Nova Vitória para Casamento Entre Pessoas do Mesmo Sexo: Votantes Legalizam Casamento no Maine e em Maryland (EUA)

No mesmo dia em que o Tribunal Constitucional espanhol se pronunciava a favor da constitucionalidade do casamento entre pessoas do mesmo sexo, nos Estados Unidos os eleitores no Maine e em Maryland decidiram favoravelmente à eliminação da desigualdade no casamento. Prevendo-se que o mesmo venha a acontecer em Washington e no Minnesota, onde ainda falta concluir a contagem de resultados, mas onde tudo aponta nesse sentido.

 

Pela primeira vez na história dos Estados Unidos, os eleitores escolheram legalizar o casamento homossexual nas urnas. Para Chad Griffin, presidente da Human Rights Campaign (Campanha dos Direitos Humanos) «esta é uma eleição histórica para a igualdade no casamento e para sempre iremos olhar para 2012 como o ano de viragem crítico no movimento para o total exercício da cidadania por parte das pessoas LGBT».

 

Para Marc Solomon, diretor nacional de campanha da Freedom to Marry (Liberdade para Casar) «o compromisso que os casais de homossexuais fizeram para a vida será agora igualmente respeitado perante a lei, celebrado perante as pessoas que amam e chamado pelo seu nome: casamento».

 

Recorde-se que embora seis estados americanos [Connecticut - desde outubro de 2008; Iowa - desde abril de 2009; Massachusetts - desde novembro de 2003 (na prática desde maio de 2004); New Hampshire - desde junho de 2009; Nova Iorque - desde junho de 2011; Vermont - desde abril de 2009] e Washington, D.C. (desde dezembro de 2009) tenham já legalizado, antes de terça-feira, o casamento entre pessoas do mesmo sexo, fizeram-no através dos votos dos decisores políticos ou decisões judiciais e não nas urnas.