Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Associação RUMOS NOVOS - Católicas e Católicos LGBTQ (Portugal)

Somos católic@s LGBTQ que sentiram a necessidade de juntos fazerem comunhão, partilhando o trabalho e as reflexões das Sagradas Escrituras, caminhando em comunidade à descoberta de Deus revelado a tod@s por Jesus Cristo.

17 de Novembro, 2008

ENCONTRO MENSAL DE 15 DE NOVEMBRO

Rumos Novos - Católicas e Católicos LGBT (Portugal)

 

Foi um bonito momento de generosa partilha, aquele que todos vivemos no nosso último encontro.
 
Dizia, de uma forma belíssima, o irmão Daniel que, particularmente nos momentos de oração, se tinha sentido fortemente a presença do Espírito Santo, o que certamente é partilhado por nós todos.
 
Foi impressionante a alegria na recepção e encontro dos novos irmãos que se juntaram à comunidade; a alegria no reencontro entre todos os demais que já participam nos trabalhos da comunidade e as lágrimas de despedida, que ficaram na memória de todos, por parte do irmão Eduardo, que pela última vez esteve, em presença, connosco.
 
O nosso coração encheu-se também de alegria e de sentimento de graça, com o contínuo crescimento da comunidade. Conseguimos já ter 12 irmãos connosco e, se estivéssemos todos, teríamos sido 15. Esperamos, com a graça do Senhor, continuar a crescer e que cada um de nós possa continuar a trazer mais irmãos.
 
Todos rejubilámos também com o precioso contributo dos novos irmãos. Com o seu profundo conhecimento e a partilha que com todos fizeram sobre os Actos dos Apóstolos. Bem ajam!
 

Alegrámo-nos ainda com a partilha do Nuno e do Luís e do António, sobre a presença futura de um sacerdote nos encontros e sobre a Missa da comunidade. Sendo que sobre este último ponto já poderemos ter novidades no encontro de Dezembro.

 

A comunidade é constituída por muitos carismas e é belo ver como todos os estamos a colocar ao seu serviço: a generosa oferta do Daniel para animar o momento de oração do próximo encontro; do António em secretariar o próximo encontro; do Agostinho em continuar a efectuar a recolha de imprensa sobre temas religiosos/ homossexualidade (o excelente trabalho de recolha que ele já efectuou para este encontro, está a ser digitalizado para depois ser partilha aqui por e-mail e ser disponibilizado para todos no nosso website); do Nuno em continuar a trabalhar para encontrar um sacerdote disponível a estar presente nos Encontros; do António/ Luís em reunir-se com um sacerdote para podermos ter, brevemente, a Missa da comunidade; do Emílio e do Nuno, no contributo futuro sobre S. Paulo; todos os irmãos que escrevem para o Ecos; todos os irmãos que generosamente se oferecem para as leituras, nos encontros.
 

A comunidade cresce em amor e «em comunidade», e os Actos dos Apóstolos poderão mostrar-nos e dar-nos pistas para essa caminhada e crescimento em comunidade.

 

Que o Senhor nos ajude nesta nossa árdua tarefa e difícil caminho.

 

1 comentário

Comentar publicação