Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Associação RUMOS NOVOS - Católicas e Católicos LGBTQ (Portugal)

Somos católic@s LGBTQ que sentiram a necessidade de juntos fazerem comunhão, partilhando o trabalho e as reflexões das Sagradas Escrituras, caminhando em comunidade à descoberta de Deus revelado a tod@s por Jesus Cristo.

21 de Maio, 2019

Griezmann envia uma mensagem emotiva aos futebolistas homossexuais

Rumos Novos - Católicas e Católicos LGBT (Portugal)

antoine-griezmann-atletico-2019_17sd7ywkr4sdf1h125

Antoine Griezmann, o polémico jogador do Atlético de Madrid, proferiu um conjunto de declarações para o documentário francês «Futebolista e homossexual: no coração de um tabu» que não irão passar despercebidas. Enviou uma mensagem muito clara e direta a todos os futebolistas que são homossexuais, com um objetivo muito concreto: que se atrevam a revelar abertamente a sua orientação sexual. Recordemos, a propósito, que a maior parte do mundo desportivo não vê com bons olhos a homossexualidade no âmbito do futebol, mais do que em qualquer outra modalidade.

 

«Não deveria incomodar, deveria ser normal. Estaria orgulhoso de que um companheiro o pudesse dizer, torná-lo público. Penso que poderia abrir a porta a outros. Se recebesse críticas, porque sempre as há, isso dar-lhe-ia ânimo para sentir-se orgulhoso, e continuar a ser feliz», comentou o futebolista. O certo é que pouco deram o passo, no âmbito do futebol, de revelar a sua orientação sexual e isso não deveria ser algo com qualquer importância para os futebolistas já que é uma característica mais da sua personalidade e não tem nada que ver com o jogo que essa pessoa faça em campo, ou como seja essa pessoa como profissional.

 

«Cada pessoa tem os seus próprios gostos, quer seja na sua vida amorosa ou nas coisas que ama. Há que tentar ajudar a pessoa que o revela, não criticando nem insultando. Fazer todo o possível para se manter perto dessa pessoa e mostrar-lhe que é normal» foram as palavras que Griezman enviou a todos os futebolistas para que tenham brio em afirmá-lo e normalizar a situação já que, como ele próprio afirmou, trata-se de algo normal que não afetaria - ou não deveria afetar - a sua imagem como profissional do futebol.

 

Trata-se de uma mensagem com a qual o futebolista conseguiu criar empatia com muitos dos seus seguidores, uma vez que podemos ver a face mais humana do avançado do Atlético de Madrid.

 

Fonte: Chance.